7 características indispensáveis em um vendedor de carros de sucesso

7 características indispensáveis em um vendedor de carros de sucesso

É fato que os profissionais que trabalham com vendas (seja qual for o produto comercializado) precisam constantemente treinar suas habilidades de persuasão e comunicação.

Neste contexto, para quem atua especificamente no mercado de automóveis não é diferente, para ser um vendedor de carros de sucesso essas e outras características são imprescindíveis.

Sendo assim, com o objetivo de esclarecer mais sobre o perfil ideal de um bom vendedor de carros, destacamos 7 características fundamentais para que esses profissionais consigam potencializar as suas vendas. Acompanhe!

1: Ter uma comunicação fluente

A comunicação fluente é uma característica obrigatória para qualquer vendedor profissional. Isso porque seja qual for a estratégia de vendas adotada pela concessionária, o fator qualidade da comunicação entre equipe de vendas e clientes sempre estará atrelado aos resultados ao final do mês.

Deste modo, para um profissional que almeja desenvolver as suas habilidades de comunicação, e, consequentemente elevar o número de veículos vendidos, é importante ficar atento com as seguintes dicas:

– Evitar cometer erros de português durante a fala e linguajar pejorativo, dando preferência para expressões formais;

– Terminar um raciocínio antes de começar um outro qualquer, caso contrário, o diálogo pode ficar confuso, tanto para o cliente quanto para o vendedor.

– Evitar alterações bruscas no tom de voz, já que em grande parte dos casos essa prática pode ser interpretada pelo cliente como algo agressivo e afrontoso;

Além disso, vale destacar também a possibilidade de melhorar a comunicação por meio de treinamentos e capacitações, como exemplo, a realização de um curso de oratória

2: Saber ouvir o cliente

Tão importante quanto ter uma boa comunicação é saber a hora de parar de falar e ouvir o que o cliente tem a dizer. Vendedores que não dão a oportunidade de fala, além de tornarem o diálogo cansativo, fazem com que grande parte das pessoas os classifiquem como antipáticos e até mesmo arrogantes.

Por isso, sempre lembre-se de que por mais que o papel de persuadir e convencer é do vendedor, o outro lado também precisa ter espaço para expor as suas ideias e opiniões.

Outra relevante observação sobre o saber ouvir é pelo fato de ninguém gostar de ser interrompido durante a estruturação de um raciocínio. Ou seja, é imprescindível que o profissional da venda saiba reconhecer quais são os momentos de escuta.

3: Conhecer em detalhes o veículo que está sendo comercializado

Mesmo que o carro a ser vendido seja considerado como de fácil descrição, se o profissional de vendas não o conhecer em detalhes, é provável que haja situações durante a negociação onde o cliente perceba algum desconhecimento do vendedor.

Isso pode ser prejudicial para o negócio, pois, uma vez que o cliente questiona algo sobre o veículo, e, não encontra as devidas respostas, inevitavelmente o vendedor deixa de passar credibilidade.

Independentemente de qual produto será negociado, é importantíssimo passar credibilidade durante a venda por meio de conhecimento. Desta forma, você proporciona um cenário acolhedor e de segurança para o cliente.

4: Transparecer honestidade

Veículos são bens materiais que demandam um investimento financeiro considerável, tornando sua venda totalmente diferente de outros produtos de menor valor. Em vista disso, os clientes só fecharão um negócio se acreditarem fielmente de que tudo aquilo que foi combinado será honrado.

Para alcançar esse grau de confiança entre as partes, é fundamental que durante todo o diálogo o vendedor se expresse e mantenha uma postura honesta. Somente desta forma, por meio da integridade, que seus clientes acreditarão no que foi acordado e ficarão tranquilos em relação ao bem que acaba de ser comprado.

5: Ser paciente

Como já destacado acima, comprar um automóvel requer um investimento financeiro considerável,  quem o faz toma essa decisão somente depois de uma análise criteriosa. Em vista disso, o profissional precisa entender que não se acerta uma venda com pressa, é necessário paciência para que o negócio seja vantajoso para ambas as partes.

Neste contexto, um ótimo exemplo de como ser paciente é dar tempo suficiente para o cliente pensar em todas as propostas sugeridas. Outro quesito a ser observado é sobre a forma de comunicação, já que uma postura paciente permite um diálogo tranquilo.

6: Saber realizar a adequada leitura da situação

Um vendedor que constantemente bate meta sem dúvida tem a habilidade de conseguir interpretar com clareza o que se passa durante as variadas situações de negociação.

Sendo assim, entender com clareza os cenários/condições da venda ajuda e muito na hora de tomar decisões, assegurando desta forma que a estratégia previamente traçada seja respeitada.

Exemplificando, é a partir dessa habilidade que o profissional de vendas mensura o seu estilo de conduta, sabendo então os momentos que exigem certo ímpeto e outros que demandam passividade e cautela.

7: Jamais adotar apenas um padrão

A primeira vista pode parecer estranho essa característica, mas, encontramos lógica ao pensarmos que há diferentes perfis de clientes, independentemente de quais sejam, o profissional precisa estar preparado para atendê-los.

Por isso, um vendedor de carros de sucesso precisa possuir uma abordagem maleável, contudo, sempre compatível com o estilo do cliente. É por meio dessa postura que o profissional consegue estreitar a relação com o comprador e dar sequência sem grandes dificuldades na negociação.

Logo, percebemos que para ser um vendedor de carros de sucesso é necessário o desenvolvimento de várias habilidades, sendo grande parte delas naturalmente aperfeiçoadas com os anos de experiência.

Como o atual mercado de trabalho é caracterizado pela elevada concorrência, são essas habilidades que destacam um profissional e o faz alcançar bons resultados. Portanto, todo vendedor de carros precisa ficar atento com essas dicas, já que elas influenciam diretamente no seu desempenho profissional.

Veículos 40% abaixo da FIPE
Veículos 40% abaixo da FIPE

Compartilhe

Deixe um comentário