7 Reparos que valem a pena para revender um veículo com boa margem de lucro

7 Reparos que valem a pena para revender um veículo com boa margem de lucro

Antes de vender um veículo é fundamental que se verifique as condições do automóvel e seja realizado alguns reparos indispensáveis. Tentar vender um carro com problemas pode fazer seu preço cair muito, além de gerar um grande transtorno com clientes insatisfeitos.

Você não quer uma fama dessas para o seu negócio, quer seja uma concessionária ou um revendedor autônomo.

E pensando tanto na melhora na margem de lucro quanto na satisfação de seus clientes, vale a pena investir um pouco no ajuste de alguns detalhes estéticos e também internos. Ajudando sua revenda a obter um preço ainda maior no veículo.

Confira nesse artigo 5 reparos indispensáveis e de ótimo custo-benefício para serem realizados em seus veículos de revenda.

1. Pequenos amassados e riscos externos

Amassados e riscos na lataria do carro desvalorizam muito o produto. O reparo pode ser feito com ferramentas próprias e muitas vezes não exige nem a remoção de forros de porta ou de outras áreas, tornando o preço muito baixo.

Você irá pagar algo em torno de R$ 60 a R$ 450, considerando um sedã médio.

Além de barato, o serviço pode ser feito bem rapidamente, demorando mais ou menos uma hora, e a aparência de seu veículo ficará inteiramente renovada.

Em caso de avarias em alguma peça do veículo devido a colisões ou danos na pintura, é bem provável que seja necessário funilaria e pintura. Logicamente que o preço do serviço, nesse caso, ficará mais alto, mas com certeza fará a diferença na hora da revenda, aumentando sua margem de lucro.

2. Avarias no estofado

É necessário considerar também os bancos e estofados. O banco do motorista, inclusive, pode demostrar maior sinal de desgaste que os outros. Mas pequenas imperfeições não devem preocupá-lo muito.

O maior problema aqui está em buracos e rasgos, mas na maioria das vezes um serviço simples e barato de costura já resolve os danos estéticos.

3. Sujeira

Não pense que apenas uma lavagem simples já é o suficiente para deixar a estética do carro pronta para a revenda. O custo de uma lavagem detalhada no veículo não é nada caro, por isso, não economize nessa hora.

A limpeza precisa ser minuciosa, a parte interna, como carpetes, painel, bancos e portas também devem ser limpos.

O custo de uma lavagem detalhada gira entre R$ 150 e R$ 200 em um veículo médio.

4. Vazamento de óleo

Alguns revendedores se assustam ao se depararem com vazamento de óleo em veículos, temendo um gasto muito alto para o reparo.

É verdade que o custo para se consertar um problema de vazamento de óleo pode ser alto, mas muitas vezes o conserto também é simples e barato. O ideal é levar o veículo a uma oficina de confiança e solicitar um orçamento, o valor do serviço pode lhe surpreender.

Além de preveni-lo do constrangimento de um cliente encontrar óleo pingando enquanto olha o veículo.

5. Jogo de ferramentas

O kit, composto por um macaco, uma chave de roda e um triângulo de sinalização merece espaço nessa lista. Até porque, a falta de um desses acessórios poderá afetar a credibilidade na venda, principalmente se o possível comprador for experiente.

E não há motivos para poupar para solucionar esse problema, em vista que um conjunto completo com esses itens podem ser encontrados em torno de R$ 70.

6. Volante, tapetes e calotas

Esses três itens são indispensáveis no reparo caso estiverem comprometidos, pois estão diretamente relacionados a parte visual do automóvel.

Volantes ressecados ou soltando sujeira nas mãos do motorista causam uma péssima impressão e desvalorizam consideravelmente o veículo, além de tornarem a direção desconfortável. O aconselhado aqui é comprar uma peça nova.

Os tapetes, por sua vez, se estiverem furados ou rasgados também precisam ser trocados. Mas se apenas estiverem sujos, uma ida ao lava-jato já resolve, deixando-os como novos.

Já as calotas apresentam uma vulnerabilidade muito grande ao desgaste, e já são peças que precisam ser trocadas constantemente. Também são muito baratas e vale a pena apresentar um veículo com calotas zeradas.

7. Manutenção geral

Para a manutenção geral, é importante verificar toda elétrica e mecânica do veículo, sem desprezar a parte estética.

A mecânica precisa estar em  boas condições, caso haja algum problema afetando o funcionamento pleno do veículo, é importante solicitar o reparo imediatamente.

Os pneus também são importantes, pois estão ligados não apenas a estética e desempenho do veículo, mas também à segurança.

Muitas vezes não é possível realizar todos os reparos sozinho, por isso é recomendado que se contate um mecânico de confiança e lhe solicite um orçamento.

Se você deseja fechar sempre bons negócios, é de grande valia contratar uma empresa séria para realizar a vistoria cautelar em seus veículos. Ela poderá revelar com mais certeza quais reparos cada automóvel precisa antes de ir para a revenda.

Um bom negócio só é realmente bom quando ambas as partes se beneficiam, por isso, seja sempre transparente com seus clientes. Com certeza essa credibilidade lhe trará bons resultados e alavancará as vendas no seu negócio.

Compartilhe

Deixe um comentário