4 Sinais obrigatórios para analisar em um vendedor de veículos antes de contratá-lo

4 Sinais obrigatórios para analisar em um vendedor de veículos antes de contratá-lo

Contratar novos funcionários é um momento que exige muito cuidado. Na maioria dos casos é um sinal de que sua revenda de veículos está crescendo e já precisa de uma equipe maior para dar conta do recado.

E isto é muito bom. Mas será que existe um perfil ideal para um vendedor de veículos ideal? O que é realmente necessário analisar antes de contratá-lo?

Continue conosco nesse artigo e saiba quais os principais sinais que você deve prestar atenção antes de contratar um vendedor de veículos para seu negócio.

1. Atenção no currículo

Se você abriu vagas para que currículos fossem enviados, tenha muita atenção ao analisar cada um deles antes de chamar um candidato para a entrevista. Uma boa seleção precisa levar em consideração todas as informações apresentadas, principalmente objetivos, formação e experiências anteriores.

Uma boa triagem de currículos já irá filtrar muitos candidatos, economizando tempo e otimizando o processo.

Em alguns casos pode ser interessante fazer uma rápida ligação para o candidato, com o intuito de checar uma informação ou outra.  Logicamente não chega a ser uma entrevista.

Mas isso irá impedir que candidatos ruins sejam chamados, e também que bons candidatos sendo desperdiçados por um equívoco na interpretação do currículo.

2. Experiências anteriores

Saber sobre experiências de trabalho anteriores é muito importante para conhecer melhor seu candidato a vendedor. Principalmente os motivos pelos quais ele saiu do emprego.

Provavelmente o candidato à vaga irá relatar a sua versão dos fatos, o que pode distorcer muito alguns detalhes importantes.

Por isso, se possível, solicite ao potencial vendedor o contato de alguns dos gerentes anteriores. Dessa forma será mais fácil obter uma versão mais verdadeira dos fatos referente ao emprego anterior do candidato.

3. Comportamento durante a conversa

Preste bastante atenção na postura, educação e tom de voz de seu potencial vendedor. Muito da personalizada de um indivíduo já pode ser analisado em gestos bem leves.

Tenha cuidado com entrevistados que se auto-exaltem com excesso. Ser confiante de si é muito bom, mas em excesso pode comprometer o psicológico dos outros vendedores. Isso não é bom para as vendas.

Procure por vendedores confiantes, mas que também saibam se portar com educação e humildade.

4. Role play de vendas

O objetivo principal do role play de vendas é expor o candidato a vendedor a uma venda simulada, o mais próximo da realidade possível.

Principalmente em situações onde o candidato não tenha nenhuma experiência com vendas, essa dinâmica pode ser um ótimo instrumento para avaliar sua capacidade.

Na prática, um vendedor experiente do time, que entenda bem o processo de negociação e o perfil mais frequente dos clientes da sua revenda, interprete um possível comprador, elaborando objeções e testando o potencial do candidato.

5. Bônus: Dê uma chance a profissionais inexperientes que demonstrem desejo de aprender

Aqui não é uma regra, mas um detalhe que vale ser mencionado. Busque por candidatos que desejam se desenvolver, mesmo que ainda não possuam experiência.

Profissionais que desejam aprender sempre mais, na maioria das vezes, demonstram mais destreza nos imprevistos do dia a dia e adaptam-se com mais facilidade às mudanças.

Algo realmente valioso hoje em dia, com a tecnologia mudando tudo tão rápido.

Compartilhe

Deixe um comentário